Discussão:Interoperabilidade entre LILACS e Dublin Core Qualified

De Wiki.bireme.org/pt
Ir para: navegação, pesquisa

Dúvida 1: TYPE: vários campos são destinados a esse elemento. [5, 6, 9, 110 e 113]

Dúvida 2: CREATOR ou CONTRIBUTOR:. [10 e 11]

Dúvida 3: Campos [14 e 20] podem ser eliminadas, pois são essenciais e quando o registro possui URL não é necessário seu preenchimento, porém, usado como base referencial, é ncessário manter os campos para Dublin Core

Definição: referência bibliográfica irá para IDENTIFIER.citation. Dúvida 4: No OAI de SEARO, os dados carregados vem até o nível de elemento. Assim sendo, todos os qualifiers são ignorados e depende de análise humana a Definição de quais campos receberão os dados. [30,31 e 32]

Dúvida 5: Campos de Eventos [53,54 e 57] são essenciais, porém quando existirem dados serão direcionados para elemento TYPE.event. Dúvida: usando os qualificadores, como separar dados como Nome, Data e País?

Dúvida 6: Campos de Indexação [71, 76, 87 e 88] usam o mesmo elemento SUBJECT.descriptor. Ocorrerá o mesmo problema qdo ocorrer harvesting de dados por OAI? Será necessário escolher qual elemento coletar?


Sueli bom dia!

Ontem na reunião de Dspace foi comentado pelo Mori que a Fiocruz migrou seus dados do LILDBI-Web para o Dspace. Pesquisei a princípio dois registros para conhecer os campos que foram utilizados e ver de que forma eles estão trabalhando com a questão do "de-para". Penso que podemos nos orientar bastante a partir da análise de como eles estão trabalhando com seus dados nos diversos tipos de documento.

Seguem dois link´s do Dspace da Fiocruz para análise: Registro de Tese Registro de Artigo

Fábio Brito

Buenas tardes, en mi pobre portugues, creo que he entendido la intención de hacer esta tarea. Considero que la disminución de campos ha sido muy buena. Me gusta como ha quedado y considero que tiene la información necesaria, sobre todo para el usuario, que cada vez necesita bases de datos referenciales más directas. Valentina Santa Cruz, INCAP.